Rubi

Rubis brutos, coríndon, naturais, sem tratamento químico ou industrial, com Laudo de Avaliação firmado por Perito Gemólogo GIA, altamente qualificado, internacionalmente credenciado no GIA – Gemological Institute of America (Califórnia/EUA) embalados em caixas acrílicas (que suportam até 1 kg) ou em Malotes de lona (acima de 1 kg), com Lacres numerados e constantes fidedignamente no Laudo, precificados metodológica e comercialmente de conformidade com normas e padrões do mercado nacional e internacional (também constando no Laudo a cotação oficial do dia para o dólar comercial), bem como, de dados contidos no Boletim de Preços do DNPM – Departamento Nacional de Produção Mineral, os quais serão absolutamente entregues dentro das normas técnicas de comercialização para estes ativos minerais, que para cada 1 kg (um quilograma) deste exato material mineral bruto será rigorosamente respeitado o valor da avaliação pericial gemológica compreendido entre USD$300.000,00 (Trezentos mil dólares norte americanos) a USD$900.000,00 (Novecentos mil dólares norte americanos).

O Rubi é uma gema que pertence ao grupo do *coríndon*, assim como a safira, sendo considerados rubis apenas os coríndons de coloração vermelha, pois todas as outras colorações, como azul, rosa e o amarelo, são consideradas safiras.

A definição de coríndon, corindo ou corundum é a de um mineral à base de óxido de alumínio. O rubi é uma das pedras coloridas mais valorizadas e desejadas do mundo e é amplamente utilizada para criar joias de beleza singular. É uma pedra muito rara e faz parte da nossa história desde a antiguidade. Com o seu tom vibrante, o rubi é considerado símbolo da proteção e sucesso na vida profissional, amorosa e espiritual, sempre associado à beleza e à sabedoria. Reforça a confiança, aumenta a flexibilidade, a vitalidade, o poder de liderança, evoca inspiração e prosperidade. Representa o dom da palavra escrita e falada. Por essa razão, os anéis de formatura de cursos como Direito e Jornalismo costumam trazer um rubi como pedra central. Chamado de “Rei das Pedras”, o rubi bruto tem o valor elevado em relação a outras gemas coloridas e por essa razão, o joalheiro tenta conservar ao máximo o peso da pedra na lapidação.

Comments are closed.